SAL DO HIMALAIA


O que muda ​na​ composição ​do sal rosa ​em relação a nutrientes, comparado ao sal normal?

– A única diferença real entre eles que seja significava para nos é a cor. Pois mesmo ele apresentando algumas vitaminas e minerais, as mesmas são em baixíssimas concentrações, consideradas insignificantes e jamais atenderia uma adequada reposição por falta de nutrientes não atingida por outros alimentos.

 

Ele é realmente melhor que o sal branco?​

Não. Na minha opinião o sal marinho é a melhor opção pois é o menos processado e apresenta quantidades de iodo, mineral importante para a adequada função da nossa tireoide. O sal rosa apresenta deficiência nesse mineral, o que não o torna melhor.

 

O sal rosa possui muito mais minerais que o sal refinado em sua composição?

– Sim, porem como mencionado acima, em quantidade mínimas que não suprem as nossas necessidades diárias. Caso esperássemos isso do sal, atingiríamos a quantidade de sódio muito alta, causando outros problemas de saúde futuros.

Importante lembrar que segundo pesquisa realizada em 2017 por um grande  universidade Brasileira, para cada 1 gramas de sal marinho temos 400 mh de sódio e no sal rosa 360 mg, ou seja, uma ilusão achar que ele é liberado por ter ‘’menos sódio’’ como as pessoas estão o vendendo.

Muitas pessoas estão trocando o sal branco pelo chamado sal do Himalaia, tal mudança é benéfica?

– Considerando a baixa concentração de iodo presente no sal rosa e que nos pelo sal marinho garantimos as quantidades adequadas, a curto prazo não vejo que ele pode ser prejudicial, mas como todo ALIMENTO DA MODA os reais efeitos aparecem  com as pessoas que se iludem com as suas promessas, tornando-se cobaias, e somente futuramente podemos afirmar se é realmente um boa troca. Mas deixo a reflexão que o sal marinho sempre foi consumido e nas quantidades adequadas nunca teremos problemas relacionados ao seu uso.

Qual a orientação ​p​ara o uso deste sal pelos brasileiros?

– De acordo com o Guia de Alimentar para a População Brasileira o consumo de sal marinho adicional é de 5 gramas totais (que apresenta em média 1700 mg de sódio), lembrando que esse sódio é o mesmo presente nos produtos industrializados, enlatados, embutidos. Sendo assim as 5 gramas de sal marinho seriam apenas em sal branco, mas temos que considerar o consumo desses alimentos e reduzir o sal adicional caso haja consumo exagerado.

Ha alguma advertência?

– O excesso de sódio total diário na alimentação a longo prazo trás sério problemas de pressão arterial e renal. Além de pessoas que consomem o mineral em grandes quantidades apresentam maior retenção de líquidos.

Como deve ser feito seu uso, caso seja recomendado?

– Seguindo a recomendação do ministério da saúde devemos usar até 1 colher de sopa rasa de sal adicional por dia.

E sempre verificar nos rótulos dos alimentos na coluna VD% o percentual total de sódio por porção do alimento. Esse VD% representa o quanto em porcentagem do sal está presente na porção consumida. Exemplo: bolacha com VD% de 10% significa que na porção temos 170 mg que representa 1/10 da quantidade ideal de consumo diário. Quem se alimenta basicamente de industrializados a soma dos VD% não deveriam ultrapassar 100% (lembrando que o sal branco que colocamos na comida deve ser somado), IMPORTANTE lembrar que esse exemplo estou apenas colocando a questão do sódio, mas ter uma alimentação baseada apenas em industrializados não se trona benéfica apenas pelo consumo de sódio. (isso é assunto para outro texto).

Há algum cuidado a tomar?

– Temos sempre que tomar cuidado com as propagandas de lojas e pessoas que vedem certos produtos. Não existe alimentos milagroso como as empresas vendem. Nenhum alimentos sozinho tem capacidade de promover saúde ISOLADAMENTE, porem em grandes quantidades podem trazer sério problemas a saúde. É muito importante quando vermos certos novos alimentos serem anunciados, ESPERAR termos evidencias científicas de que ele realmente é saudável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *